Como contornar a detecção de IA do GPTZero [2024]

Os recentes avanços em inteligência artificial (IA) levaram ao desenvolvimento de ferramentas como o ChatGPT, que pode gerar conteúdo de texto altamente realista. Isso levou à necessidade de mecanismos eficazes de detecção de IA para discernir o conteúdo gerado por máquina do texto escrito por humanos. 

Um detector de IA popular é o GPTzero. Mas quão eficaz ele é, de fato? 

O GPTZero detecta com precisão o conteúdo gerado por IA? Hoje, vamos nos aprofundar em um experimento que testa a capacidade da IA de superar o GPTZero, oferecendo insights sobre a precisão e a confiabilidade dos mecanismos de detecção de IA.

De acordo com nossos testes, o GPTzero não conseguiu manter a precisão quando o Undetectable AI foi usado.

Se você preferir assistir à demonstração do nosso teste, assista ao vídeo abaixo:

Ignorando o processo GPTZero

Como contornar a detecção de IA do GPTZero

Etapa Descrição Resultado
1. Geração de conteúdo de IA Use o ChatGPT para criar um e-mail solicitando recursos aprimorados de detecção de IA. Conteúdo gerado com características de IA.
2. Teste de detecção inicial Execute o conteúdo gerado por meio de uma ferramenta de detecção de IA indetectável. Conteúdo sinalizado como gerado por IA.
3. Veredicto do GPTZero Envie o conteúdo para o GPTZero para avaliação. O GPTZero detecta uma probabilidade de geração de IA de 96%.
4. Humanização do conteúdo de IA Modifique o conteúdo usando Undetectable.ai para que pareça mais humano. O conteúdo soa natural e menos semelhante a uma máquina.
5. Reavaliação pelo GPTZero Envie o conteúdo humanizado para o GPTZero novamente. A probabilidade de geração de IA cai para 12%, classificada como escrita por humanos.
6. Replicação do teste Repita o teste com conteúdo diferente gerado por IA. Após a humanização, a confiança de detecção do GPTZero cai para 7%, confundindo conteúdo de IA com trabalho humano.

O núcleo de nosso experimento gira em torno de um teste simples, mas revelador: Você consegue conteúdo indetectável de IA você pode ignorar o escrutínio do GPTZero? Alerta de spoiler: é absolutamente possível.

Aqui está o detalhamento visual passo a passo do processo que seguimos:

1. Geração de conteúdo de IA usando o ChatGPT

Começamos com a tarefa de ChatGPT para criar um e-mail solicitando recursos aprimorados de detecção de IA. Essa etapa inicial nos forneceu um documento base, inerentemente marcado com as características sintáticas e estilísticas da IA.

Captura de tela do ChatGPT

2. Teste de detecção inicial

O conteúdo gerado foi primeiramente executado em Detector de IA indetectável para verificar se ele poderia ser sinalizado como gerado por IA. Como esperado, o conteúdo do ChatGPT foi detectado como tal.

Captura de tela do Undetectable.ai (detector de IA)

3. Veredicto do GPTZero

Em seguida, enviamos o mesmo conteúdo ao GPTZero, que retornou um veredicto: uma probabilidade de 96% de ser gerado por IA. Isso confirmou a eficácia do GPTZero na identificação de conteúdo criado por IA, pelo menos inicialmente.

Resultados do GPTzero. Captura de tela

4. Humanização do conteúdo de IA

Em seguida, usamos a ferramenta Undetectable.ai para humanizar o conteúdo, ajustando-o para que soasse mais natural e menos parecido com o de uma máquina. 

Essa etapa é importante, pois não envolve apenas reformulação ou edição, mas uma revisão abrangente para imitar os padrões de escrita humana.

Captura de tela do humanizador Undetectable.ai

5. Reavaliação pelo GPTZero

Após a humanização, a avaliação do GPTZero mudou drasticamente. A probabilidade de o conteúdo ser gerado por IA caiu para 12%, classificando-o efetivamente como escrito por humanos. 

Resultados do bypass do GPTzero

O Undetectable.ai demonstrou a capacidade de contornar o detector de IA GPTzero. Isso mostra que, embora o GPTzero às vezes seja preciso, ele não é o detector de IA mais preciso disponível.

6. Replicação do teste

Para garantir que nossas descobertas não fossem um acaso, replicamos o teste com um conjunto diferente de conteúdo gerado por IA: um ensaio sobre a ética da IA. 

Captura de tela da redação do ChatGPT

A detecção inicial pelo GPTZero indicou uma probabilidade de 82% de autoria de IA. 

Como contornar a detecção de IA do GPTZero [2024] Como contornar o GPTzero

No entanto, depois de usar o Processo de humanização do Undetectable.aiSe você não tiver uma resposta, a confiança de detecção do GPTZero caiu significativamente, mais uma vez confundindo conteúdo de IA com trabalho humano.

Como você pode ver, o GPTzero marcou o conteúdo de IA indetectável como principalmente humano e apenas 6% gerado por IA:

Undetectable.ai contornando o GPTzero (captura de tela)

A mecânica por trás da "humanização" do conteúdo de IA

O Humanização da IA O processo não é apenas uma edição superficial. Ele envolve uma análise abrangente e a modificação do conteúdo para evitar os algoritmos de detecção de IA. 

Esse processo é refinado por meio de testes com modelos de detecção existentes, garantindo que o resultado imite com sucesso os estilos de escrita humana.

A variabilidade no tempo de processamento, que vai de alguns segundos a cerca de dez segundos, reflete a complexidade e a profundidade da análise necessária para transformar o conteúdo gerado pela IA em algo indistinguível do trabalho humano.

Você está pronto para sentir a diferença? Experimente o widget Undetectable AI abaixo de forma rápida e fácil (somente em inglês). Basta inserir seu texto e ver como ele pode transformar sua redação!

Detector de IA #1 avaliado pela Forbes

Implicações e considerações éticas

Esse experimento levanta várias questões importantes sobre a eficácia das ferramentas de detecção de IA, como o GPTZero. 

Se o conteúdo gerado por IA pode ser facilmente modificado para contornar a detecção, o que isso significa para o futuro da detecção de IA ou mesmo para sua existência atual? 

Conclusão: Um jogo de gato e rato

  • Nossa pesquisa para contornar a detecção de IA do GPTZero revela um jogo dinâmico e contínuo de gato e rato entre os criadores de conteúdo de IA e as ferramentas de detecção de IA. 
  • Embora ferramentas como a GPTZero estejam se tornando cada vez mais sofisticadas na identificação de conteúdo gerado por IA, a capacidade de "humanizar" o conteúdo de IA destaca uma lacuna significativa nos mecanismos de detecção atuais. 
  • À medida que a IA continua a evoluir, o mesmo acontece com as estratégias de detecção e evasão, ressaltando a necessidade de inovação contínua nas tecnologias de detecção de IA.
Um homem e um robô de IA.

Em essência, a questão da precisão do GPTZero é complexa. Embora ele demonstre um alto grau de proficiência na detecção de alguns tipos de conteúdo gerado por IA, nosso experimento mostra que, com as modificações certas, o conteúdo de IA ainda pode passar despercebido e ser realmente indetectável. 

Prós e contras do GPTzero

Prós:

  • 👍 funciona às vezes
  • Gratuito para algumas detecções

Contras:

  • Não há detecção confiável
  • Custa dinheiro para usar depois de algumas varreduras
  • Pode ser facilmente contornado com o uso do Undetectable.ai

PERGUNTAS FREQUENTES: Como contornar a detecção de IA do GPTZero

PerguntaResposta
O que é GPTZero?O GPTZero é uma ferramenta de detecção de IA projetada para discernir o conteúdo gerado por máquina do texto escrito por humanos.
Qual é a eficácia do GPTZero?Embora o GPTZero possa, às vezes, detectar com precisão o conteúdo gerado por IA, ele demonstrou ter dificuldades com o conteúdo modificado por ferramentas como a Undetectable AI.
O conteúdo de IA pode contornar a detecção do GPTZero?Sim, o conteúdo de IA, especialmente quando humanizado por ferramentas como a Undetectable AI, pode contornar a detecção do GPTZero, conforme demonstrado durante nossos testes.
O que envolve a "humanização" do conteúdo de IA?A "humanização" envolve uma análise abrangente e a modificação do conteúdo gerado por IA para soar mais natural e imitar os padrões de escrita humana, tornando-o indetectável por ferramentas de detecção de IA como a GPTZero.
Quais são as implicações desse experimento?Esse experimento levanta questões sobre a eficácia atual e futura das ferramentas de detecção de IA e destaca o jogo de gato e rato em andamento entre os criadores de conteúdo de IA e as tecnologias de detecção de IA.
O GPTZero é o detector de IA mais preciso disponível?Nossas descobertas sugerem que o GPTZero não é o detector de IA mais preciso disponível, pois ele não conseguiu manter a precisão em relação ao conteúdo modificado pela IA indetectável.
O que o experimento conclui sobre a detecção de IA?O experimento conclui que, embora as ferramentas de detecção de IA estejam evoluindo, a capacidade de modificar o conteúdo da IA para contornar essas ferramentas representa um desafio significativo, enfatizando a necessidade de inovação contínua nas tecnologias de detecção de IA.
Tabela de perguntas frequentes do GPTzero
IA indetectável (TM)